quarta-feira, 16 de março de 2011

Livro 07 - Juízes


Autor:  Samuel, provavelmente.
Época: 1390 - 1045 a.C.
Local:  Canaã e Transjordânia.

O livro de Juízes conta a história de Israel desde a conquista da terra de Canaã até o começo da monarquia. Nesse tempo surgiram os "juízes", que eram principalmente chefes militares, mas também resolviam as questões legais do povo.

Encontramos em Juízes uma advertência assustadora contra quem deixa de servir a Deus para servir a si mesmo. O livro mostra quanto é tolo desobedecer e lembra-nos da necessidade de voltar para Deus, em vez de chafurdar na derrota.

Este livro ensina que o povo de Israel só continuaria a existir se fosse a Deus, enquanto que a infidelidade sempre levaria à desgraça. Porém há mais do que isso. Mesmo quando a nação era infiel, e a desgraça vinha, Deus estava sempre pronto a salvar o Seu povo quando eles se arrependiam e voltavam para Ele.

Esboço:
Acontecimentos depois da morte de Josué - 01.01-02.10
Os juízes de Israel - 02.11-16.31
Vários acontecimentos - caps. 17-21

Personagens a destacar:

Débora – (na ilustração) Foi profetiza e líder durante um período sombrio da história de Israel. Sua coragem, obediência e inteira confiança em Deus brilharam como um farol de esperança para seu povo. Suas declarações corajosas e sua ação decisiva motivaram os israelitas a lutar contra o inimigo e vencê-lo.

Abimeleque – Proclamou-se primeiro rei de Israel. Traiçoeiro e movido pela ambição, assassinou os irmãos e depois voltou-se contra os que o haviam apoiado. A busca implacável de Abimeleque pelo poder resultou em um acidente grotesco que lhe tirou a vida quando tentava conquistar a cidade de Tebes.

Jefté – Foi um juiz que preferiu negociar territórios a envolver-se em guerras. Agindo por impulso, fez um juramento sem pensar nas conseqüências. Jefté cumpriu sua palavra, apesar de isso lhe custar a vida da própria filha.

Em Cristo,
Itamar Carrijo

Nenhum comentário:

Postar um comentário