terça-feira, 22 de junho de 2010

Lucas, capítulo 7

Irmã(o), gostaria que lesse o livro de Lucas, capítulo 7, e após essa leitura maravilhosa, meditasse e orasse comigo ao Pai Celestial, deixando que o seu coração se abra realmente ao agir do Espírito Santo.

Grandioso Deus, não há nenhuma força ou autoridade como o Senhor. Não mereço a Sua atenção e muito menos Seu amor. Mas, agradeço-Lhe porque Seu único Filho morreu por mim. Eu creio no poder deste imensurável amor. Eu creio em Jesus. Use-me para ajudar outros a crerem também. Seu Filho me revelou o quanto o Senhor compreende minhas dores e perdas. Perdoe minhas dúvidas e reclamações. O que o Senhor já fez por mim vai muito além daquilo que mereço. Obrigado por me amar tanto e por me dar uma bênção tão grande como Seu Filho Jesus. Sei que um dia toda lágrima ele enxugará. Sei agora que não fui destinado a conviver com a morte. Agradeço-Lhe pelo futuro que Jesus me trouxe, de vida eterna no céu e vida abundante aqui. Que a minha vida possa repartir com todos ao meu redor o Pão da Vida e a Água Viva. Meu Pai, muito obrigado por todas as provas que o Senhor já deu de que Jesus é mesmo o Salvador do mundo. Obrigado também por ser tão paciente comigo em meio a minhas dúvidas. Que eu possa confiar cada vez mais em Seu Filho e segui-Lo a cada dia da minha vida aqui.

Óh Santo Deus, quem sou eu para questionar a soberania do Senhor? Obrigado pela paciência que tem tido comigo. Ajude-me a esperar e confiar sempre em Jesus. Por tudo que Ele já fez por mim serei sempre seu devedor. Ajude-me a sentir o devido temor das coisas que preciso ouvir da Palavra. Que meu  coração seja sempre aberto e sensível para a voz do Senhor. Se eu ficar confortável demais, por favor, acorde-me para a vida. O Senhor não quer que nenhuma alma pereça. Por isso apelo a todos e espero tocar os corações de muitos na nossa geração. Ajude-me a não deixar de contar toda a verdade, de trazer à luz as obras das trevas para que todos que amam ao Senhor possam andar no caminho que leva à vida. Obrigado pelo ministério de mensageiro. Todos nós podemos compartilhar pelo menos a mensagem que chegou até nós. E isso é bastante para salvar. Dê-me a convicção para continuar anunciando o Evangelho a todos. Senhor, eu quero e preciso cumprir o ministério que foi entregue a mim pelo meu Salvador. Mostre-me as pessoas perdidas ao meu redor. Dê-me um coração quebrantado pelas almas que estão se perdendo. E abra minha boca para falar de Jesus para todos. Quão grandes são as riquezas que o Senhor tem nos concedido! Como é maravilhosa a graça que chegou até nossa geração. Obrigado por tudo que temos recebido. Que seja louvado em toda a terra o nome de Jesus e o grande amor que Ele tem para com os homens.

Meu querido Pai, ajude-me a enxergar o que é realmente importante na Sua Palavra. Que eu possa distinguir entre opiniões e conjecturas sobre coisas secundárias e o poderoso Evangelho, que salvará homens em qualquer geração. Que toda honra e glória sejam dadas a Jesus. Obrigado por não deixar que nenhum outro seja meu juiz. Sei que sou pecador e tenho muita coisa para corrigir ainda. Mas, confio na Sua justiça e, o mais importante, na Sua graça. Que eu possa ter a sabedoria que Jesus apontou - de examinar os frutos das vidas daqueles que se dizem ser Seus seguidores. E que eu, que O proclamo possa lembrar que outros estão olhando para mim e prestando bastante atenção na pregação que vivo. Que Jesus Cristo seja presente e visto cada vez mais em mim.

Misericordioso Deus, por que é que eu acho tão difícil esquecer as pequenas ofensas e pecados contra mim, quando todo o pecado do mundo foi perdoado por Jesus? Obrigado pelo exemplo dEle e pelo poder do Seu amor. Que meus passos e palavras sejam dignos de uso pelo Rei para alcançar qualquer um, inclusive os meus inimigos. Perdoe todas as vezes quando tentei tirar satisfação por uma ofensa contra minha pessoa. Tomara que tivesse lembrado o exemplo do Rei Jesus. Ajude-me a tratar todos com este tão grande Amor. Obrigado por estender este amor para mim, que certamente não mereço. Quem pode, Senhor, entrar no Seu santuário? Qual de nós? Se não fosse Jesus e a imensurável graça do Seu amor, ninguém entraria. Nenhum de nós. Obrigado por me perdoar e obrigado pelo arrependimento que o Senhor envia todos os dias para mim, que tanto preciso. Sei que nenhum de nós teria o direito de ficar de pé diante do trono Real. Mas, graças a Jesus, vamos não só ficar em pé, mas seremos recebidos em glória eterna. Quão grande é o amor de Jesus. Que eu possa a cada dia lembrar mais e mais o quanto preciso deste amor e ser cada vez mais grato por ele.

Meu Deus, meu Pai, não compreendo nem um pouco como o Senhor pode ser os dois. Mas, dou-Lhe graças e creio que estarei dando pela eternidade porque o Senhor é não só meu Deus, mas, meu Pai também. E estarei eternamente grato porque Seu Filho Jesus Cristo, homem e Deus ao mesmo tempo, veio me salvar. Obrigado pela fé que me deu e pelo Senhor que me enviou. Peço neste momento por todos que irão ler estas palavras preciosas de Jesus. Que possam ouvir as palavras de Seu Filho como nunca antes. Que possam entender o quanto Ele deseja perdoar e como Ele é poderoso para fazer isso. Tire qualquer obstáculo que estiver no caminho e leve seus filhos perdidos ao arrependimento e perdão pela fé em Jesus. Seja como for que entraram agora na presença do Senhor, que possam continuar nela de hoje em diante, em obediência ao Senhor e na santa paz dos salvos em Cristo Jesus.

Em nome de Jesus eu oro e espero.
Amém.

Em Cristo,
Itamar Carrijo

Nenhum comentário:

Postar um comentário